Os farmacêuticos defendem um modelo assistencial centrado no paciente


16/04/13

 

O "Estudo sobre o futuro da farmácia", dirigido pelos  colegios oficiais de farmacéuticos de Madrid e Barcelona, refere que "O modelo actual de Farmácia está esgotado e não apresenta oportunidades de crescimiento económico. Devem apresentar-se propostas de mudança concretas, tanto individual como coletivamente, centradas no doente e não no medicamento".


Ao longo dos três meses, a consultora Antares Consulting procurou a opinião dos farmacêuticos sobre os futuros desafios e prioridades de farmácia, além de recolher propostas de alteração da profissão.


Fonte: Acta Sanitaria
Aceder à notícia original

Copyright © 2019 Antares Consulting S.L. Todos os direitos reservados   |   Informações legais e Política de privacidade