Cabo Verde enfrenta "duplo e sério desafio" na saúde


23/09/2018

Cabo Verde enfrenta o "duplo desafio" de manter controladas as doenças transmissíveis e responder ao "aumento acentuado" de doenças não transmissíveis, como as cardiovasculares e oncológicas, afirmou hoje o director nacional da Saúde.

 

Em declarações à agência Lusa, à margem do Atelier de Validação do Plano Nacional de Desenvolvimento Sanitário 2017/2021, que decorre na cidade da Praia, Artur Correia referiu que este plano está a ser feito "num contexto da continuidade do processo de transição epidemiológica e demográfica que o país está a enfrentar".

(...)

Também a consultora Paula Rodrigues, que elaborou o documento a pedido da Organização Mundial da Saúde (OMS), responsável pelo seu financiamento, referiu na sua intervenção que Cabo Verde "não pode baixar a guarda" e tem de continuar a manter o nível baixo de doenças transmissíveis.

Ao mesmo tempo, afirmou, tem de "responder ao aumento das doenças não transmissíveis". (...)


Fonte: Expresso das Ilhas
Aceder à notícia original

Copyright © 2019 Antares Consulting S.L. Todos os direitos reservados   |   Informações legais e Política de privacidade