FACE


FACE é uma metodologia desenvolvida na Antares Consulting para gerar conhecimento em áreas de especialização do sector da saúde, mobilizando os profissionais e ajudando-os a adoptar modelos de excelência clínica.


Descrição


A força da metodologia é baseada em princípios como integração, prática clínica, conhecimento e cooperação. Daí que o lema escolhido seja:

  • Integrar experiências
  • Gerar conhecimento 

 

A Gestão do Conhecimento nos serviços de saúde.

No ambiente do sistema de saúde português é gerado conhecimento de forma contínua. No entanto, a troca de experiências concretas e a aprendizagem em colectivo ocorre em contextos muito específicos, como é o exemplo dos congressos da especialidade, em que tudo acontece de forma muito rápida e simultânea, perdendo-se uma grande oportunidade de partilhar e aprender.

 

  1. Identificamos o colectivo com o qual vamos desenvolver o projecto. Permite-nos colaborar com KOLs ( Key Opinion Leader). Podemos criar um Advisory Board, se for conveniente.
  2. Seleccionamos o tipo de conteúdos que desejamos partilhar. A eleição dos mesmos é totalmente flexível e adaptada às necessidades tanto do patrocinador como do colectivo target.
  3. Identificamos experiências concretas. Procuramos profissionais que podem aportar a sua experiência e que estão dispostos a participar no projecto. Criamos um “núcleo activo”, que vê reforçado o seu papel profissional.
  4. Desenhamos e desenvolvemos Workshops, concebidos e desenvolvidos com uma dinâmica adequada. Numa jornada participativa de um dia, extraímos os conteúdos que nos permitem a sua posterior divulgação.
  5. Construímos conteúdos. A nossa equipa encarrega-se da sua redacção e os participantes da validação.
  6. Difundimos o conhecimento. Adaptamos de forma flexível três tipos de formato utilizando todo o tipo de ferramentas de gestão do conhecimento.
  • Documentos escritos de diferente natureza:

        - Case Studies
        - Relatórios

  • Reuniões presenciais: Informação
  • Meios Digitais

        - Portais de conteúdos: Informação útil. Repositórios de conteúdos
        - Portais Dinâmicos: Intercâmbio de dados geradores de informação, estudos prospectivos, gestão clínica
        - Web 2.0 Redes de profissionais partilhando e inovando, comunicando-se entre si.

  1. Criar uma "network", de prática clínica incentivando o seu desenvolvimento na geração de conhecimento. A continuidade da iniciativa deverá proporcionar um grande valor para o grupo, que deve ser visível e reconhecido.


Características


  • Fortalecimento do papel dos profissionais
  • Apoiando as suas experiências
  • Cooperando com os KOL’s
  • Expandindo o conhecimento da especialidade e da prática clínica ao grupo seleccionado


Copyright © 2019 Antares Consulting S.L. Todos os direitos reservados   |   Informações legais e Política de privacidade